COBAP e Centrais permanecem em mobilização contra MPs

Em reunião realizada na tarde da última segunda-feira, 25, entre COBAP, Centrais e o senador Paulo Paim (PT-RS), os participantes debateram mais uma vez sobre as Medidas Provisórias 664 e 665, que devem ser votadas nesta semana.

Após finalizarem longa análise das MPs, o consenso entre os debatedores foi que em hipótese alguma as medidas devem ser aprovadas, pois desfalcam direitos básicos dos trabalhadores, aposentados e pensionistas.

O vice presidente da COBAP, Moacir Meirelles e o diretor de imprensa Antonio Santo Graff, representaram a entidade na reunião e vão acompanhar de perto as votações no Senado Federal.